Origem da Cruz Vermelha

2 minutos de leitura
ISMD
por ISMD

A ideia da criação de uma entidade que tivesse a missão de prestar serviços médicos para feridos de guerra, partiu dos suíços Jean Henri Dunant Gustave Moynier, em 1863.

Em 1859, na Itália, uma batalha pela Independência do País deixou nove mil mortos e 40 mil feridos. Entre 26 e 29 de outubro de 1863, Moynier, Dunant e mais algumas pessoas com interesses em comum reuniram-se para criar uma entidade humanitária de caráter internacional que servisse às vítimas de guerras.

Dessa reunião resultou a criação de uma organização intitulada Comitê Internacional de Ajuda a Feridos. Com o tempo, esse comitê passou a ser chamado de Comitê da Cruz Vermelha. Por causa desse fato, o dia 26 de outubro é associado à criação da Cruz Vermelha e é celebrado internacionalmente.

ISMD e a Cruz Vermelha

A responsabilidade social é uma preocupação constante da Faculdade ISMD. Por isso, frequentemente, são desenvolvidas ações dentro e fora da instituição. Mobilização de coletas de alimentos e de produtos de higiene pessoal para ações sociais são realizadas em conjunto com instituições parceiras como a Cruz Vermelha, em São Paulo.

A Cruz Vermelha de São Paulo já promoveu Mutirão de Dermatologia em parceria com o ISMD. Foram oferecidos consultas, exames e pequenos procedimentos para a retirada de pintas, cistos e pequenos tumores, além de cauterização de verrugas, biópsia de pele, entre outros procedimentos.

Foram disponibilizados ainda serviços de enfermagem, como aferição de pressão arterial e teste de glicemia, com o objetivo de monitorar casos de diabetes e hipertensão para a realização dos procedimentos dermatológicos.

Saiba tudo que acontece no ISMD!

Fazemos envios semanais com dicas e materiais gratuitos
× Em que posso ajudar?